Encontro latino-americano debaterá formação em saúde pública

Instituições e centros formadores em saúde do Brasil, Argentina, Chile, Costa Rica, Cuba, México, Paraguai, Peru e Uruguai estarão reunidos na Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), entre os dias 2 e 4 de dezembro, para o 3º Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública. Com o tema Compromisso com a Educação e Saúde dos povos latino-americanos, o evento internacional pretende reforçar o intercâmbio de experiências e desafios da formação e qualificação em saúde de quadros estratégicos para os sistemas de saúde do continente. A atividade será aberta aos interessados.

O colóquio tem apoio da Vice-Presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde da Fiocruz (VPAAPS/Fiocruz) e da Vice-Presidência de Pesquisa e Coleções Biológicas da Fiocruz (VPPCB/Fiocruz). A mesa de abertura, dia 2 de dezembro, às 13h30, terá presença da presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, do diretor da Ensp, Hermano Castro, e do deputado Federal Alessandro Molon.

As demais mesas do evento abordarão Saúde, trabalho e ambiente na formação em Saúde PúblicaEquidade e iniquidades em saúde da América LatinaRedes Colaborativas em SaúdePesquisa Clínica em Saúde Pública e as Estratégias e Práticas de formação em Saúde Pública.

O diretor da Ensp, Hermano Castro, reforça que a formação em saúde, as questões ambientais e a pesquisa serão fortemente debatidas no colóquio. “É importante destacar o papel da Fiocruz e da Ensp na Rede de Escolas de Saúde Pública. O momento que vivemos na América Latina e o conjunto de diferenças políticas apontam para alguns retrocessos e dificuldades nos sistemas de saúde e na formação. O colóquio é um espaço para diagnosticarmos esse cenário e trabalharmos em redes no futuro”.

“Debateremos questões presentes na pauta da nossa instituição e dos países vizinhos relacionada à Educação e Saúde. O colóquio já faz parte do calendário da Ensp e trata-se de um evento muito intenso, com discussões ricas que trazem aprendizado interessante e revigorante para todos. O objetivo é reunir nossos parceiros e, juntos, encontrarmos caminhos para uma formação em Saúde de qualidade e que, de fato, traga impacto na melhoria de vida e saúde da população dos países latino-americanos”, afirmou a vice-diretora de Escola de Governo em Saúde da Ensp, Rosa Souza.

Fonte: Ensp/Fiocruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *