[DF]-Médicos da UBS 3 do Itapõa “prescrevem” livros para pacientes

Sair da consulta médica com um livro para ler em casa passou a ser rotina para crianças e adolescentes atendidos na Unidade Básica de Saúde 3 do Itapoã. O projeto chamado “Prescreva um livro” foi idealizado pelo médico da família e comunidade Estêvão Rolim que faz a recomendação na própria receita médica: “A leitura é uma semente para o futuro.”

“Nas consultas, conseguimos promover a leitura, o que pode fazer muita diferença no futuro desses jovens. A estratégia consiste em deixar livros dentro do consultório para que os pacientes possam folhear, brincar, conhecer e, inclusive, levar para casa e trazer na próxima consulta para contar a história”, disse o médico.

Segundo ele, o projeto funciona com doações e teve início no final de 2016, na UBS 2 da região administrativa, onde o médico atuava. Com a abertura da UBS 3 em um espaço ao lado da administração regional da cidade, o médico deu continuidade à iniciativa em seu novo local de trabalho. “Nossa idéia é que as equipes da UBS 2 permaneçam com o projeto e que seja feita a expansão para a UBS 1 também”, disse.

O médico destacou ainda que a proposta inclui a transformação do espaço da unidade básica em uma biblioteca comunitária para aumentar o acesso aos livros e à leitura no cenário de vulnerabilidade da região. “Sabemos que, geralmente, o hábito de leitura é muito baixo. Por isso, vamos começar no próximo mês a promover encontros mensais com quem pegou livro, para indicar para outros pacientes.”

Por mês, aproximadamente 60 livros são emprestados. Um deles foi levado por Yasmyn de Souza. A adolescente de 14 anos escolheu “Diário de uma mosca”, de Doreen Cronin. “Achei muito legal essa idéia, porque enquanto o médico conversa com o meu responsável eu posso ler. Eu gosto de leitura”, disse. “É um incentivo que distrai na hora da consulta e a literatura é sempre muito bem-vinda”, disse a mãe da garota, Raylde de Sousa.

“A menina dos olhos mágicos”, de Edna Castro, e “Os caçadores de mel”, de Francesca Martin, também estão entre os títulos disponíveis.

DOAÇÕES – Quem quiser contribuir com o projeto pode ir até a Unidade Básica de Saúde 3 para fazer as doações. A estrutura funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h e das 13h às 17h, na sede da Administração Regional do Itapoã.

UNIDADE – A UBS 3 conta com três equipes Estratégia Saúde da família, responsáveis por atender a população das quadras 1 e 2 do Itapoã, 1 a 7 da QL, e 1 a 25, 49,51 e 52 do Del Lago.

Fonte: Secretaria de Saúde de Brasilia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *