[SE]-“A gestão estadual da saúde tem feito avanços como nunca visto nos últimos cinco anos”, diz Rockenbach

O procurador do Ministério Público Federal, Ramiro Rockenbach, esteve na manhã esta sexta-feira, 16, no Centro Administrativo da Saúde senador Gilvan Rocha, quando se reuniu com o secretário Almeida Lima e sua equipe de diretores. Segundo o procurador federal, o objetivo do encontro foi o de vir saber como está o andamento dos serviços de saúde. Participaram das discussões o secretário adjunto Luiz Eduardo Correia e os diretores Jurídico, Luiz Carlos Santana, de Gestão de Sistemas, Márcia Guimarães, e Operacional da Fundação Hospitalar de Saúde, Marcos Chou.

Após a reunião, o procurador federal constatou que estão acontecendo grandes mudanças na Secretaria de Estado da Saúde, tanto no que diz respeito à assistência, quanto ao que se refere à gestão. “Nós conseguimos avaliar que estão acontecendo significativas mudanças na Saúde. É importante a gente manter esse contato contínuo e constante com o secretário Almeida Lima, e o secretário adjunto, Luiz Eduardo, para constatar com satisfação essa grande atuação conjunta”, disse Rockenbach.

O procurador destacou os avanços que estão acontecendo na atual gestão. “Nós estamos conseguindo significativos avanços na saúde da população e é com muita satisfação que o Ministério Público Federal pode registrar que, sem dúvida alguma, a gestão estadual da Saúde hoje tem feito avanços como nunca antes visto, pelo menos desde que estou aqui, nos últimos cinco anos. Esperamos que a população continue ganhando com isso”, enfatizou.

O secretário de Estado da Saúde, Almeida Lima, comentou a avaliação sobre sua gestão, feita pelo procurador federal. “Isso deixa todos nós alegres porque atende exatamente ao objetivo para o qual nós fomos designados pelo governador Jackson Barreto. Desde o início que eu me dirigi ao procurador Ramiro Rockenbach, com o secretário adjunto, Luiz Eduardo Correia, para pedir a colaboração ele, o suporte, porque sabíamos que iríamos enfrentar uma barra muito pesada. E não deu noutra. A barra é muito pesada, mas o apoio dele também foi considerável e importante e não podíamos trair esta confiança que ele depositou em nós”, falou.

Almeida Lima disse estar feliz com o reconhecimento do Ministério Público Federal. “Quando ele deixa aqui a nossa casa, a Secretaria de Estado da saúde, alegre e satisfeito e dá um depoimento desse, evidente que o que nós desejamos é que toda a sociedade tome conhecimento dessa avaliação para que ela nos dê apoio, nos dê suporte, compreenda o que nós estamos fazendo e nos dê força para que todo esse trabalho tenha continuidade”, expressou o secretário.

Para Almeida Lima, o procurador Ramiro é um procurador da República da área da saúde extremamente preocupado com a resolutividade que este setor exige dos gestores. Informou o secretário que ele tem estabelecido inúmeras tratativas com a SES exigindo procedimentos e agilização de ações, organização, modernidade, dentro do bojo de um processo judicial em cima do qual foi feito um acordo. “Eventualmente, ele vem buscar informações para saber como a saúde está se comportando, se existe algum problema, algum entrave, colher informações, sentir se os outros parceiros com os quais nós estamos tratando a saúde estão cumprindo as suas obrigações, enfim, a preocupação de um MPF que objetiva resultados”, salientou.

2018

Para Almeida Lima, o grande projeto da gestão para este ano de 2018 é o de continuar trabalhando para oferecer a cada usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) serviços com qualidade. Mas, há duas metas que o secretário estabeleceu para este ano: deixar o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) como uma referência em atendimento de urgência e emergência do país; e zerar as filas de cirurgias eletivas.

Fonte: Secretaria de Saúde do Estado de Sergipe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *